Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > Revista Extensão recebe trabalhos para a sua 19ª edição até o dia 07 de agosto
Início do conteúdo da página
Publicação

Revista Extensão recebe trabalhos para a sua 19ª edição até o dia 07 de agosto

30/07/20 10:35 | 30/07/20 10:35 | 576 César Velame

A Pró-Reitoria de Extensão (PROEXT) da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) recebe artigos, resenhas e relatos para o volume 19 da Revista Extensão, até o dia 07 de agosto. A submissão de trabalhos deve ser feita, exclusivamente, pelo sistema disponível no site do periódico.

Nesta edição, um dos capítulos da revista será um dossiê temático com reflexões e relatos sobre a Extensão Universitária e a pandemia de Covid-19. O objetivo é dar visibilidade a alternativas e direcionamentos, diante das novas demandas e da recomendação de isolamento social.

“A socialização desta vivência cumpre o importante espaço de disseminar e de compartilhar a interação entre universidade e outros setores da sociedade. Na Extensão Universitária, uma das funções sociais da universidade, precisamos comunicar os aprendizados com a sociedade e reafirmar que as políticas públicas devem se centrar nas pessoas e na vida em sua plenitude”, avalia a Pró-Reitora de Extensão Tatiana Velloso.

Ao submeter o trabalho, o autor deve sinalizar, em item do formulário online, se o trabalho é direcionado para o dossiê. Além das produções sobre a Extensão e a atual pandemia, a Revista Extensão receberá trabalhos em todas as categorias e temáticas em que atua.

A publicação da Revista Extensão é uma atividade prioritária da Pró-Reitoria de Extensão da UFRB. Diante do atual contexto de pandemia de Covid-19, a publicação é feita por meio de teletrabalho, pela equipe da PROEXT.

A Revista Extensão, com periodicidade semestral, tem o compromisso de divulgar os conhecimentos produzidos a partir da Extensão Universitária, em suas diversas modalidades, na relação indissociável entre o ensino, a pesquisa e as políticas afirmativas.

registrado em:
Fim do conteúdo da página