Fechar
Evento

Exposição “O evangelho segundo Lucas”

24/05 09:00 a 22/07 16:00

Museu do Recolhimento dos Humildes. Praça Frei Bento, S/N. Centro, Santo Amaro - Santo Amaro

O estudante da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), Campus Santo Amaro, Lucas Nascimento (@eumesmalucas), de 29 anos, tem sua exposição denominada “O evangelho segundo Lucas”, instalada no Museu do Recolhimento dos Humildes, em Santo Amaro. A visitação acontece de terça a sexta, das 9h às 12h e das 14h às 16h, até o dia 22 de julho, com acesso gratuito.

O artista visual expõe quinze obras, decorrentes de seis processos criativos, materializados em seu trabalho de conclusão de curso (TCC) na Licenciatura Interdisciplinar em Artes, do Centro de Cultura, Linguagens e Tecnologias Aplicadas (CECULT). Entre elas estão: h – Gênesis (2021), a série 7º dia (2022), a pintura em tela Nossa Senhora Oxum (2021), os Instrumentos para encantaria (2019-2022), O batismo (2023) e Imagem & Semelhança (2023). 

O TCC defendido ontem, dia 24, tirou nota 10. A banca avaliativa era composta pelos professores Kleber Amancio e a Marilza Oliveira (UFBA). Para Lucas, "foi uma celebração desse processo de construção na graduação. Estou muito feliz com o resultado, a nota, mas o mais importante foi o retorno dos professores, que foram muito generosos em suas considerações e fizeram leituras muito sensíveis do meu trabalho". "Como artista fico feliz quando posso materializar minhas ideias".

Erradicado em Santo Amaro, o artista de Irecê, no sertão baiano, produziu todas as suas obras no período da graduação. Um dos principais objetivos da exposição é tencionar o sagrado com a experiência subjetiva. O artista apresenta a busca por uma compreensão de si e de sua construção identitária como um homem negro em conjunção à dimensão do sagrado em descoberta. 

A mostra desse processo artístico-pedagógico articula a formação da identidade do artista por meio de um trabalho interdisciplinar nas visualidades composto por pintura em tela, escultura em barro, fotografia e objetos nomeados como Instrumentos de encantaria. Propondo repensar e refazer a imagem de Deus, do divino e do sagrado por meio da manipulação de imagens sacras católicas e sua interlocução com os sagrados da diáspora africana no Brasil. 

Apoios 

Tem o apoio da Galeria de Arte Grão (Espaço para cultivar artistas independentes), Empresas Líder, Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia, vinculada à Secretaria de Cultura da Bahia; e Museus da Bahia. O Museu do Recolhimento dos Humildes é administrado pela Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia.  

Evento publicado em: 25/05/2023

Dinheiro real e bônus para jogar como aviator estão aqui!

https://marsbet-casino.com.br/

Na dúvida, fale conosco!