Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > Reitor da UFRB participou do relançamento da Frente Parlamentar em Defesa da Universidade Pública
Início do conteúdo da página

Reitor da UFRB participou do relançamento da Frente Parlamentar em Defesa da Universidade Pública

26/10/07 09:55 | 13/01/16 15:26 | 1376

Na quarta-feira (31/10), em Brasília, aconteceu o relançamento da Frente Parlamentar em Defesa da Universidade Pública.

A Frente Parlamentar em Defesa da Universidade Pública foi criada em 1996, tendo como foco central a discussão sobre a autonomia universitária. Além desse tema, constavam da agenda a expansão das universidades públicas; universidade e a reforma tributária; universidade e o Plano Nacional de Educação, entre outros.

Nesta nova fase, serão priorizados temas como: a Lei Orçamentária Anual a ser destinada ao Ensino Superior em 2008; o Projeto de Lei nº 4212/2004 – da Reforma Universitária, que estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional; o Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni); o Plano Nacional de Assistência Estudantil, implantado este ano; a autonomia universitária; a implementação de medidas legislativas que promovam a plena interação do ensino superior com a educação básica; e o desenvolvimento de ciência e tecnologia nas universidades públicas, bem como a sua transferência para o setor produtivo.

Fonte: ASCOM Andifes 

****** 

Fonte Agência Brasil, 31/10/07, texto de  Paula Laboissière

A Frente Parlamentar em Defesa da Universidade Pública, relançada na Câmara dos Deputados, pretende discutir formas de ampliar o orçamento das instituições públicas de ensino superior. A meta foi anunciada pelo deputado Pedro Wilson (PT-GO).

“Nós queremos que os deputados e senadores possam ajudar a crescer o orçamento da universidade pública brasileira, dando a ela possibilidade de investimento em infra-estrutura, e também de apoio à sua expansão”, defendeu o deputado.

Na manhã do dia 31, senadores, deputados e representantes de movimentos em defesa da educação estiveram presentes ao relançamento da Frente Parlamentar em Defesa da Universidade Pública.

De acordo com o deputado Pedro Wilson (PT-GO), três eixos temáticos vão guiar os trabalhos da frente parlamentar: a Lei Orçamentária Anual, a reforma universitária e o Programa de Apoio ao Plano de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni).

A presidente da União Nacional de Estudantes (UNE), Lúcia Stumpf, acredita que será possível ampliar os fóruns de discussão sobre o tema educação.

“O relançamento dessa frente parlamentar, a rearticulação das entidades do movimento educacional com os deputados e senadores vai fazer com que a nossa luta se fortaleça”. Lúcia acredita que ações como a criação de um Plano Nacional de Assistência Estudantil garantem a manutenção da qualidade das universidades federais.

Estiveram presentes ao evento de relançamento da Frente Parlamentar em Defesa da Universidade Pública, a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), o Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes), o Fórum de Professores das Instituições Federais de Ensino Superior (Proifes), a Federação de Sindicatos de Trabalhadores de Universidades Brasileiras (Fasubra), a União Nacional dos Estudantes (UNE) e a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimento de Ensino (Contee).

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página