Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > UFRB assina cinco ordens de serviço para realização de obras nos campi
Início do conteúdo da página
Institucional

UFRB assina cinco ordens de serviço para realização de obras nos campi

20/01/21 17:00 | 20/01/21 15:55 | 983

O reitor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), professor Fábio Josué, assinou cinco ordens de serviço para realização de obras nos campi de Amargosa, Cachoeira/São Félix, Cruz das Almas, Feira de Santana e Santo Amaro. As assinaturas vão garantir a retomada de construções já iniciadas antes da pandemia do novo coronavírus, além de novos investimentos que beneficiarão toda a comunidade acadêmica no retorno às atividades presenciais.

Na quarta-feira, dia 13, um ato marcou a assinatura de duas ordens de serviço no campus Cruz das Almas para a retomada da obra do Pavilhão de Aulas 3 e reforma de um espaço na antiga Biblioteca para abrigar o Arquivo Central da UFRB. O reitor Fábio Josué ressaltou que o novo Pavilhão irá servir à comunidade do Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (CETEC) e do Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB), possibilitando melhores condições para realização das atividades de ensino, pesquisa e extensão. Sobre o Arquivo Central, disse se tratar de “um importante equipamento de gestão do conhecimento”.

No campus Cruz das Almas, serão retomadas as obras do Pavilhão 3 e iniciada a construção do Arquivo Central da UFRB.

Estiveram presentes na ocasião o vice-reitor, José Mascarenhas; o pró-reitor de Planejamento (PROPLAN), José Joaquim Ramos; os diretores de Centro, Elvis Vieira (CCAAB) e Adson Mota (CETEC); o chefe da Coordenadoria de Infraestrutura e Meio Ambiente (CIMAM), Joel Santos; o chefe do Núcleo de Gestão de Documentos da Pró-Reitoria de Administração (PROAD), Márcio de Almeida, além de docentes e técnicos envolvidos com as obras e representantes das empresas contratadas.

Na manhã seguinte, dia 14, no campus de Santo Amaro, foi assinada nova ordem de serviço, desta vez para a reforma da antiga Inspetoria Fazendária que servirá de sede administrativa para o Centro de Cultura, Linguagens e Tecnologias Aplicadas (CECULT). O prédio que pertencia ao Governo do Estado foi cedido à UFRB em 2017. O diretor do Centro de Ensino, Danillo Barata, falou da satisfação para a Universidade em iniciar a reforma do equipamento. “Após um processo de muita luta, hoje temos a oportunidade de assinar essa obra e devolver à cidade uma edificação importante, que fica no coração de Santo Amaro”, disse.

Ordem de serviço autorizou a reforma da antiga Inspetoria Fazendária que será a sede administrativa do CECULT.

Ainda na quinta-feira, dia 14, a comitiva da UFRB seguiu para a cidade de São Félix, onde ocorreu a assinatura da ordem de serviço para reforma do primeiro pavimento do Pavilhão 2 de Julho, que será destinado para as atividades de pesquisa e pós-graduação do Centro de Artes, Humanidades e Letras (CAHL). “Esse prédio tem uma importância fundamental para nós. Somos um Centro de Ensino com cinco cursos de pós-graduação e temos muita expectativa nas funcionalidades destas instalações para a expansão das atividades hoje concentradas em Cachoeira”, destacou a diretora Dyane Brito. “Esperamos que a pós-graduação possa ter o seu espaço, as suas salas de defesa, as suas salas de pesquisa. Esse é um passo importantíssimo que damos”, afirmou.

Investimentos em infraestrutura

O reitor Fábio Josué avaliou que, apesar das restrições orçamentárias, a UFRB tem conseguido avançar no desafio de melhorar a sua infraestrutura, através da definição de prioridades, da captação e remanejamento de recursos e do empenho dos servidores da PROPLAN e CIMAM. “Além das novas ordens de serviço que totalizam o investimento de mais de 6 milhões de reais, temos um conjunto de obras já sendo executado, como a primeira etapa da reforma do Pavilhão 2 de Julho, em São Félix, e a reforma do Quarteirão Leite Alves, em Cachoeira”, exemplificou. Já na quinta-feira, dia 15, ele visitou o campus Santo Antônio de Jesus para conhecer as futuras instalações do laboratório de testagem molecular para o novo coronavírus e, pela tarde, esteve na obra da residência universitária do campus Feira de Santana.

Por fim, também no dia 15, foi assinada a quinta ordem de serviço do novo pacote de investimentos. O ato ocorreu na cidade de Amargosa e autorizou a construção de um sistema de captação de água da chuva utilizando o potencial da cobertura do Complexo Esportivo do Centro de Formação de Professores (CFP). “Essa obra terá um rebatimento positivo economicamente para a Universidade e o CFP. Com a reutilização da água da chuva poderemos diminuir os custos com a manutenção do campus, além de contribuir para a preservação do meio ambiente”, disse o reitor. A diretora Creuza Silva e demais representantes do Centro de Ensino acompanharam a assinatura.

Confira as fotos:

Assinatura da ordem de serviço no CFP, em Amargosa

Assinatura da ordem de serviço do Arquivo Central, em Cruz das Almas

Assinatura da ordem de serviço do Pavilhão de Aulas 3, em Cruz das Almas

Visita à obra da Residência Universitária, em Feira de Santana

Assinatura da ordem de serviço no CECULT, em Santo Amaro

Visita ao Laboratório de Testagem Molecular, em Santo Antônio de Jesus

Assinatura da ordem de serviço no CAHL, em São Félix

registrado em:
Fim do conteúdo da página