Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > A história das vacinas e pesquisas com cacau no próximo Univerciência
Início do conteúdo da página
Univerciência

A história das vacinas e pesquisas com cacau no próximo Univerciência

28/05/21 08:33 | 28/05/21 08:46 | 254

No Univerciência deste sábado (29), pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) vão contar a história do surgimento das vacinas. O programa mostra também a descoberta do grupo de pesquisadores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) de um composto capaz de combater as superbactérias, e a pesquisa das composições alimentícias de chocolate e de gelado comestível, que proporcionou à Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), sua terceira carta patente. No ar pela TVE aos sábados, às 14h30, o programa tem horários alternativos às segundas-feiras, às 20h, e quartas-feiras, às 7h30.

Sabemos hoje que as vacinas são produzidas por microorganismos conservados em laboratório, sendo atenuados ou inativados. Porém, a história da vacina começa com a varíola no século XVIII. A partir da observação de trabalhadores da agropecuária que adoeciam da varíola bovina foi constatado a imunidade da varíola humana. Ao perceberem a proteção, os pesquisadores imunizaram um adolescente com a varíola bovina e conseguiram provar para a população que ele estava imune a variante humana. Esses conhecimentos, experimentos e descobertas, que aconteceram graças às pesquisas científicas, serão contados no programa por pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Pesquisadores da Universidade Federal da Paraíba produziram um composto que pode combater as temidas superbactérias, altamente resistentes aos antibióticos. A composição atua para evitar que a bactéria coloque para fora os antibióticos e foi descoberta a partir do ácido celeno glicólico.

O cacau é um dos principais frutos produzidos no sul da Bahia. “Composição Alimentícia com ‘mel de cacau’ é o título da invenção que fez com que a Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia obtivesse sua terceira carta patente, emitida pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), em fevereiro de 2021. O programa vai mostrar como a pesquisa trata das composições alimentícias de chocolate e de gelado comestível, a partir do chamado ‘mel de cacau’. O produto também promete ser um substituto natural do açúcar, além de ser uma esperança para a crise do agronegócio do cacau no Brasil causada, inclusive, pela devastação da vassoura de bruxa.

O programa Univerciência tem a participação de instituições de todos os estados nordestinos a partir da parceria entre as universidades e televisões públicas da região. A produção do conteúdo é colaborativa e a veiculação acontece em TV’s públicas, educativas, culturais e universitárias, e nos canais das emissoras e das universidades na Internet.

Onde assistir

Sábado, 29/05, às 14h30, no canal do Youtube da TVE.

Segunda, 31/05, às 10h, no canal do Youtube da TV UFRB.

registrado em:
Fim do conteúdo da página