Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > Trabalho de professora da UFRB é destaque da revista digital Forbes
Início do conteúdo da página
PUBLICAÇÃO

Trabalho de professora da UFRB é destaque da revista digital Forbes

16/03/22 08:53 | 16/03/22 08:54 | 578

A professora doutora, pesquisadora e enfermeira Edna Maria de Araújo, vinculada ao Mestrado Profissional em Saúde da População Negra e Indígena, da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), Campus Santo Antônio de Jesus, foi reconhecida pela revista digital Forbes, pela excelência de suas pesquisas para melhorar a assistência à saúde, o combate a violência e a qualidade de vida das populações vulneráveis, dentre elas, negras e indígenas.

Edna Araújo foi “uma das vozes que trouxeram à tona a desigualdade social e racial na pandemia de Covid-19”, destaca a revista. Edna fez carreira docente na Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), onde aposentada segue atuando nos cursos de pós-graduação, como professora e orientadora do mestrado e doutorado em Saúde Coletiva da instituição.

A edição especial da revista digital Forbes, pelo decorrer do Dia Internacional da Mulher (08 de Março), destacou o trabalho de Edna Araújo junto com a história de vida de outras seis mulheres consideradas inspiradoras que "compartilham conquistas e obstáculos com todas as mulheres que hoje lutam por seu lugar".

A Forbes destacou as pesquisas de Edna Araújo nas áreas de saúde coletiva/epidemiologia, desigualdades sociais em saúde, saúde da população negra, saúde de grupos em situação de vulnerabilidade e violência e saúde. Há três anos, Edna Araújo ajudou a criar o grupo temático Racismo e Saúde na Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco). “A partir dele, podemos fazer pesquisas e publicar notas denunciando as condições que a população negra vive neste país e como essas condições precárias foram ainda mais impactadas pela pandemia.” 

A professora Edna Araújo palestrou no XIV Fórum 20 de Novembro da UFRB, na Mesa 3, denominada "Vidas negras importam na saúde: Bem viver da população negra", quando falou sobre as atividades da Abrasco.

Leia a reportagem da Forbes em: https://forbes.com.br/forbessaude/2022/03/doutora-em-saude-publica-edna-araujo-cuida-de-populacoes-vulneraveis/

Com informações dos Portais UEFS e Forbes.

registrado em:
Fim do conteúdo da página